Ir direto para menu de acessibilidade.
Acessos:
Incio do contedo da pgina
Últimas notícias

Maquete sobre processo produtivo do aço

  • Publicado: Segunda, 10 de Abril de 2017, 10h40
  • Última atualização em Segunda, 10 de Abril de 2017, 10h46

Turma de Jovens Aprendizes inova ao elaborar maquete sobre processo produtivo do aço

Publicado por: Airton José da Silva Neto

 

A turma de Jovens Aprendizes do curso de Operador de Processos Metalúrgicos do Senai e da Thyssenkrupp CSA (TKCSA) de Itaguaí mostraram criatividade e talento. Com uma ideia simples, desenvolveram uma maquete que mostra de forma didática e eficiente o processo produtivo do aço.

 

 

A maquete tem por objetivo simular todo o processo de produção do aço. Para ilustrar de forma instrutiva, os jovens utilizaram sucata, motores elétricos de vidro, micro-ondas, impressora e até um eixo de ventilador e, como matéria-prima, parafina. A partir  disso, depois de passar por todas as áreas operacionais, uma pequena placa de parafina surge no lingotamento, simulando a saída de uma placa de aço.

Seis estudantes de Engenharia do Programa de Cooperação Acadêmica (quatro brasileiros e dois austríacos), mantido pela CSA com a Thyssenkrup Steeal Europe AG em Duisbug (Alemanha), a Montanuniversität Leobende Leoben (Áustria) e a Universidade de Ouro Preto (UFOP/Escola de Minas) acompanharam a apresentação do projeto.

Eles ficaram impressionados com o trabalho apresentado. “O que esses estudantes fizeram foi elogiável. Conseguiram resumir um processo extremamente complexo sem utilizar materiais custosos. O resultado ficou excelente e muito didático. O mais legal disso tudo é o aprendizado que esses garotos adquiriram, não ficando somente na parte teórica. Há de se elogiar também os professores do Senai que deram um apoio muito grande aos estudantes e também à Companhia Siderúrgica do Atlântico (thyssenkrupp  CSA) que fornece estágios, na forma do programa Jovem Aprendiz, e complementa a formação destes,” elogiou Lucas Formiga, formado em Engenharia Metalúrgica na UFOP e contratado pela CSA.

Mathias Berger, graduado em Engenharia Metalúrgica pela Montanuniversität Leoben, na Áustria, comenta que “ficou impressionado, pois os alunos conseguiram em poucos meses criar uma maquete tão funcional, principalmente a empilhadeira e a pá automatizada, que chega a se assemelhar muito ao processo siderúrgico”.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O grupo de estudantes responsável pelo trabalho explicou que “O projeto foi elaborado pela thyssenkrupp CSA no SENAI, com a intenção de deixar um legado para a próxima turma. Nele, colocamos nossos conhecimentos e força de vontade. O projeto já estava decidido e não era a ‘’maquete funcional ‘’ou a ‘’mini siderurgia’’. Iríamos fazer os estudos de ensaios destrutivos e não destrutivos aplicados no corpo de prova de aço que a CSA iria nos fornecer. O material, que chegou faltando apenas dois meses para a entrega do trabalho, além de ser pequeno, só daria para fazer o ensaio de dureza. Só tínhamos um mês e duas semanas para a apresentação final e surgiu a ideia de fazer uma “maquete”, mostrando o processo siderúrgico. Como a nossa turma tem pessoas de nível técnico e alguns cursando o ensino superior, decidimos abraçar o desafio”.

registrado em:
Fim do contedo da pgina